pt Portuguese

Blog Solution

Cloud e sustentabilidade: o que eles têm a ver?

- 3 min leitura

Quando pensamos no mundo atual, uma das principais características que uma empresa precisa ter para ganhar credibilidade é ter consciência ambiental. 

Com a inovação e o avanço tecnológico, muitas soluções sustentáveis passaram a surgir, o que vem facilitando o trabalho de empresas que desejam andar ao lado do meio ambiente, reduzindo seus impactos na natureza.  

Além de essa ser uma medida essencial para a conservação do espaço em que vivemos, empresas que colocam o meio ambiente em primeiro lugar ganham o reconhecimento do mercado consumidor. 

O fortalecimento da imagem empresarial, bem como a credibilidade do negócio, passam a se expandir quando se reconhece os impactos que uma empresa, independente de seu porte, mas principalmente as grandes, causa no meio ambiente. 

Questões como emissão de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera e desperdício de energia precisam, cada vez mais, estar em pauta nas empresas, afinal, essa preocupação deve ser de todos.

Então, hoje nós vamos falar sobre as vantagens de usar a Cloud em relação a sustentabilidade e porque você deveria adotar em sua empresa! Confira:


Reduzir a emissão de CO2 

Esse com certeza é o primeiro tópico das vantagens de um sistema em Cloud. Segundo a BBC Brasil, cerca de 86% das emissões de dióxido de carbono do mundo vêm da queima de combustíveis fósseis para a produção de energia e materiais. 

Além disso, cerca de 52,74% da emissão de CO2 em todo o mundo ocorreu a partir de 1990. Ou seja, mais da metade das emissões de dióxido de carbono ocorreram em pouco mais de 30 anos. 

E a principal causa desse número elevado é o crescimento de indústrias e empresas que, no início, não tinham como preocupação o meio ambiente. 

Esse tema é tão importante que ganhou uma conferência apenas para tratar disso. É a Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, que em 2022 será a COP27, no Egito. 

Mas, por que estamos falando disso?

Um dos diferenciais da Cloud é a capacidade de diminuir a emissão de gases poluentes, como o CO2. Isso acontece porque, ao transferir a infraestrutura de TI para um serviço em nuvem, o modelo usa menos hardware e mais software na sua operação. 


Aproveitar os recursos disponíveis 

O ideal em uma empresa quase sempre será ter um desempenho expressivo com menos ferramentas e gastos. Pensando nisso, é possível investir na Infraestrutura como Serviço (IaaS), em que os ativos de TI podem ser gerenciados a partir da Cloud.

Da mesma forma, a utilização de Software como Serviço (SaaS) pode otimizar a forma de trabalho, reduzindo espaços de armazenamento, pois também tem a Cloud como servidor. 

Inclusive, para quem tem dúvidas, a Cloud pode ser privada, pública ou híbrida, variando conforme a necessidade da empresa.

Essa é uma forma bastante flexível de trabalhar, além de conseguir aproveitar as tecnologias disponíveis que estão a favor do meio ambiente! 


Armazenar com segurança 

A vantagem mais óbvia de usar a nuvem, e que também está alinhada à sustentabilidade, é o armazenamento. Com a Cloud não é preciso ter espaços destinados ao arquivamento de documentos e papéis físicos.

Os documentos digitais são muito mais fáceis de serem acessados, além de poderem ser compartilhados com mais de uma pessoa, sem precisar fazer uma cópia em papel, por exemplo. 

A manutenção que precisaria ter com esse espaço também é eliminada. Sem um ambiente exclusivo para o armazenamento, custos com aluguel do espaço e deslocamento dos documentos reduz. 

Nesses casos, os recursos são poupados, afinal não há o uso exacerbado de papel e outros materiais.  


Reduzir despesas operacionais

Nesse ponto, o uso dos recursos pode ser flexível, sendo adaptado para as necessidades da empresa. Assim, é possível reduzir os recursos, variando de acordo com a demanda. 

Dessa forma, a infraestrutura pode ser aproveitada de forma escalável. Isso impacta na redução de despesas com TI, deixando viável o investimento em procedimentos que tenham como prioridade a sustentabilidade ambiental e financeira. 


Sustentabilidade apenas na Cloud?

Além desses pontos que trouxemos, e com o foco na sustentabilidade, ainda é possível pensar em outras alternativas que vão ajudar a preservar o meio ambiente. Por exemplo, como é o consumo de energia da sua empresa?

Geralmente, empresas de médio a grande porte têm um consumo elevado de energia. O problema, além da conta de luz, é a forma como essa energia é gerada. Um recurso que pode ser usado em favor do meio ambiente é a placa solar.

O investimento inicial pode ser um pouco elevado, mas a recompensa vem mês a mês, com a considerável diminuição no valor da conta. Mas o principal é que essa é uma forma sustentável de gerar energia, sem agredir o meio ambiente e usando um recurso inesgotável: a luz solar! 

Todos saem ganhando nesse investimento, inclusive as empresas de pequeno porte. Apesar do valor para colocar as placas, a economia nos gastos mensais pode ser vista em pouco tempo.

É sobre a ESG, sigla em inglês para definir Environmental, Social and Governance, um conjunto de boas práticas a serem implementadas em uma empresa que visam evidenciar a preocupação com o meio ambiente e o bem-estar social. 

É pensar no ambiental, no social e na governança, não apenas no âmbito da Cloud que estamos falando, mas abordando outras questões da empresa.

E então, depois dessas vantagens, o que acha de começar a investir em recursos tecnológicos mais sustentáveis?

Entre em contato com a Solution, nós podemos te ajudar!

Deixe um comentario