pt Portuguese

Blog Solution

O que eu preciso saber antes de optar pelo e-commerce?

- 4 min leitura

A prática de compra online ganhou o seu espaço e hoje encontramos de tudo para comprar pela internet. Independente do produto que você comercializa, estar em um e-commerce é uma grande oportunidade de ampliar horizontes. 

Há muito espaço e mercado para empreender no online, só é preciso saber de alguns pontos antes de começar de vez a ir para o virtual. Como sempre, o planejamento é a palavra-chave, e ele começa com a lista a seguir:


Mercado

Trata-se, basicamente, de entender como o segmento que você pretende empreender no e-commerce está posicionado no mercado

Faça uma busca e análise sobre quais outras empresas já estão no e-commerce para saber o que te espera, bem como conhecer a média de preços dos produtos iguais ou similares aos seus. 

Nessa tarefa de análise, é a hora perfeita para se inteirar sobre a relação de oferta X demanda do seu mercado no online. 

E, por fim, reconhecer as tendências do seu nicho para o virtual, se é um segmento que tem crescido no e-commerce e se continuará se desenvolvendo ao longo do tempo. 


Concorrentes

Aproveitando o gancho do item anterior, é imprescindível que você tenha conhecimento sobre os seus concorrentes. Se faça algumas perguntas como “quais deles estão no mercado da internet?” e “o que eles têm feito para se diferenciar (ou o que têm feito de igual, como um padrão)?” 

Busque pelas respostas e siga pelas brechas que eles deixam para que você entre e se destaque perante o público-alvo, pois opções não faltam no mundo da internet. 


Público-alvo 

Mais uma vez, precisamos aproveitar a deixa do item anterior – para você ver como tudo está conectado quando falamos no online. 

Sabe aquele velho clichê de que “o meu público são todos aqueles que querem comprar meu produto”? Então, a notícia é que esse senso comum não cabe aqui. 

É preciso ter muito bem definido quem é o seu público-alvo antes de empreender no e-commerce, afinal, não é possível vender para uma grande multidão de rostos invisíveis. Conheça e reconheça o seu público, para, então, ter êxito nos objetivos estabelecidos dentro do e-commerce. 

Para isso, o seu público-alvo precisa ter uma faixa etária definida, um gênero em destaque (homem ou mulher), uma profissão predominante, uma média de faixa salarial, a região em que estão mais concentrados e, o principal, se têm interesse e compram, efetivamente, pela internet.

Aqui também é possível aprofundar os conhecimentos e estabelecer a sua buyer persona, ou seja, o seu comprador ideal. Existem muitas formas de definir essa persona, mas, de um modo geral, ela precisa ter nome, gênero, profissão, idade, gostos, família, e muito mais. 

Só que tudo isso deve ser muito bem definido. Por isso, para desenvolver a buyer persona com precisão, o estudo tem que ser muito mais aprofundado. Mas é muito válido que você pense nisso no futuro! 


Preço 

Nesse ponto, considere o preço do seu produto tendo em vista o mundo online. No e-commerce, pode ser que você tenha mais gastos, e eles devem ser calculados junto, para estarem presentes no preço final do produto. 

Assim você saberá que não está saindo no prejuízo. 

É claro que para uma precificação correta e justa, a avaliação do mercado é fundamental. Então, voltamos a lista de perguntas que você pode se fazer para descobrir as respostas:

– Quanto o cliente está disposto a pagar para ter o meu produto? 

– E por quanto ele encontra esse mesmo produto de outro fornecedor, o meu concorrente? 

– Se no concorrente for mais barato, o meu produto tem o diferencial necessário para que eu possa colocar preço mais acima da média do mercado?


Plataforma 

Essa dica não poderia faltar na lista de coisas que você precisa saber antes de optar pelo e-commerce. 

A plataforma é o meio pelo qual você vai vender na internet, então é fundamental escolher uma que seja confiável e que o seu público-alvo marque presença! 

Outros pontos que você precisa ter atenção sobre a plataforma é quanto ela vai cobrar para que você venda através dela e como funciona as integrações com os marketplaces e também com os ERPs. 

Agora, focado no acesso do cliente, fique ciente sobre quais são as opções de pagamento que ela oferece e se tem um layout atraente e intuitivo, afinal, o seu produto vai estar lá, ele precisa ser facilmente acessado pelo cliente


E agora?

Muito bem, agora que você já sabe o que precisa ter em mente e na ponta do lápis para decidir se vai ou não para o e-commerce, o que deve fazer? 

Se optar por ir para o virtual, saiba que no início pode ser difícil. Engrenar em uma plataforma legal às vezes não é o suficiente para sair vendendo do dia para a noite. Tudo leva tempo e é preciso ter paciência para ir adaptando o que não está adequado. 

Uma dica muito importante e que vai te ajudar nesse processo é que você precisa ser um expert da sua marca, tenha conhecimento sobre o que você vende. Mais do que isso, saiba quais são as dores do seu cliente e para quais problemas você tem a solução!

No mundo da internet as opções são muitas, então o seu produto precisa se diferenciar para que tenha destaque e sobressaia aos olhos dos seus clientes. 

Então, siga essas dicas que deixamos aqui e explore o novo. Se reinvente e acompanhe as mudanças que estão acontecendo no mundo. Esteja à frente dos seus concorrentes e mostre que você está antenado e acompanhando as tendências do mercado. 

E conte com a Solution, nós podemos te ajudar a otimizar a gestão do seu negócio, trazendo sistemas e soluções para o seu dia a dia na empresa! 

Deixe um comentario