Sobre a Aliare

Como o ERP potencializa o controle de estoque na concessionária agrícola

Tempo de leitura: 4 minutos
controle de estoque

A concessionária agrícola que quer garantir a disponibilidade de produtos ao produtor rural precisa implementar um ERP para potencializar o seu controle de estoque

O papel da concessionária agrícola é oferecer aos produtores rurais um catálogo robusto, com diferentes máquinas, implementos e insumos para atender às suas necessidades.

Manter o estoque desses produtos em dia, de acordo com a demanda e também a  época do ano, é muito importante para que a concessionária tenha à disposição os itens certos, no tempo desejado pelo cliente. 

Fazer o controle manual desse estoque pode ser muito desafiador, uma vez que a prática fica sujeita a uma série de problemas, tais como erros de registro, dificuldade de previsão de demanda e limitações de monitoramento.

Uma das formas mais assertivas de eliminar esses gargalos é por meio da implementação de um ERP, sistema de gestão empresarial que permite integrar setores e automatizar muitas atividades ligadas ao estoque.

No artigo explicamos como o ERP pode ajudar a sua concessionária agrícola a ter um controle de estoque mais eficiente por meio de seus recursos e funcionalidades. Confira! 

Mas antes, o que é um ERP?

Antes de mostrarmos os recursos que ajudam a concessionária agrícola a melhorar seu controle de estoque, é importante explicarmos o que é um ERP e como essa tecnologia funciona.

O ERP, sigla para “Enterprise Resource Planning”, é um sistema de gestão que consegue integrar absolutamente tudo que envolve a concessionária. Inclui, portanto, departamentos, tarefas, informações, inclusive pessoas. 

Isso significa que, ao invés da empresa atuar de forma descentralizada, com setores de venda, compra, administrativo, RH e estoque realizando suas operações separadamente, ela consegue reunir todos esses departamentos em um só lugar. Assegurando, assim, um universo único para a realização das atividades.

Como reúne diferentes áreas, dados, pessoas e tarefas em um só espaço, a concessionária é capaz de garantir uma visão ampla e integrada do negócio. Mas não é só isso. A empresa também é beneficiada com:

  • Maior eficiência operacional;
  • Redução de erros;
  • Geração de economia;
  • Tomada de decisão ágil;
  • Melhora na gestão de estoque.

Por que o ERP ajuda no controle de estoque?

O ERP é capaz de entregar informações atualizadas sobre um departamento, em tempo real. Se tratando do estoque, é possível verificar, por exemplo, qual a quantidade de produtos disponíveis, produtos em trânsito, produtos reservados para venda, entre outros.

Além disso, por automatizar muitas tarefas, a tecnologia também permite que a concessionária defina níveis de estoque mínimo e estoque máximo, o que facilita o planejamento das compras e impede que o setor sofra problemas com estoque parado. 

Por meio da tecnologia também é possível monitorar o fluxo de entradas e saídas de produtos, bem como identificar os itens com menor rotatividade. Ou seja, o ERP garante à concessionária uma visão abrangente sobre todo o setor de estoque, o que melhora (e muito) a gestão do departamento. 

Funcionalidades do ERP que potencializam o controle de estoque

Agora que já vimos o que é ERP e como a tecnologia ajuda a concessionária no controle de estoque, chegou o momento de analisarmos os recursos e as funcionalidades que potencializam a gestão deste setor:

1 – Lote e validade

A tecnologia permite que a concessionária controle o fluxo de entrada e saída, bem como a data de validade e origem dos produtos. Insumos agrícolas e outros produtos perecíveis, como é o caso de medicamentos, não podem ser repassados ao produtor rural fora do prazo de validade. Então, esse recurso é muito importante para a empresa manter o seu estoque sempre em dia. 

2 – Estoque mínimo e máximo

A falta de produtos no estoque ou até mesmo o excesso de itens podem fazer a concessionária perder oportunidades de negócio ou sofrer desperdícios. Para evitar esses problemas, o ERP oferece recursos que permitem definir um estoque mínimo e máximo para ajudar no planejamento de compras e suprimento das demandas.

3 – Relatórios gerenciais

O acesso rápido à informação pode ajudar o gestor a alcançar insights, resolver problemas e tomar decisões mais certeiras acerca do setor. A tecnologia possibilita a emissão de gráficos e relatórios gerenciais que mostram, por exemplo, como está o volume de vendas, quais produtos são mais vendidos, qual o valor total do estoque, entre outros dados.

4 – Controle de rotatividade

A concessionária também pode identificar quais são os produtos com mais e menos rotatividade, e em cima dessa informação, planejar as compras de modo que os itens com menor demanda não geram desperdícios e perdas. Também, que os itens com mais demanda estejam sempre a disposição do cliente. 

5 – Preços de custos

A tecnologia também entrega funcionalidades que permitem à concessionária melhorar o controle de custos sobre os produtos estocados. O gestor pode conferir em poucos cliques quanto foi pago em uma peça, máquina, implemento ou insumo, calcular a margem de lucro em cima desse item e definir um preço mais adequado com base no período do ano ou demanda. 

O estoque é o coração da empresa porque os itens estocados geralmente concentram o maior valor patrimonial. Cuidar desse departamento é muito importante para a concessionária entregar os produtos ao produtor rural, no tempo certo, bem como eliminar os riscos de perdas e prejuízos. 

Atualmente, como a sua concessionária tem feito o controle de estoque? Diga para a gente nos comentários!

A Solution faz parte da Aliare, a mais completa companhia brasileira de software especializada em agronegócio.

Somos a maior empresa do Brasil em sistemas de gestão de empresas de maquinário agrícola.

Buscamos todos os dias soluções para facilitar a rotina de nossos clientes através da tecnologia.

Copyright © 2024. Solution: Todos os direitos reservados